Voltar

Cancro da mama: prevenir sempre!

O autoexame é um precioso aliado no combate ao cancro da mama. Se é uma das muitas mulheres que ainda não sabe bem como fazê-lo, damos-lhe aqui todas as dicas, para encaixar na sua rotina.

 

 

Podem já ter ouvido falar do assunto, podem até conhecer alguém com um diagnóstico de carcinoma mamário, até sabem que existe um dia mundial da prevenção do cancro da mama, mas a verdade é esta: a grande maioria das mulheres portuguesas não faz o autoexame da mama regularmente.

É importante lembrar que o cancro da mama é a forma de cancro mais comum na mulher. É, por isso, urgente tomar consciência de que a prevenção pode ser a nossa grande aliada! A descoberta de um nódulo mamário é para a mulher motivo de grande angústia. É um motivo de temor que vira o seu mundo do avesso num segundo. A descoberta do nódulo é rapidamente associada a um diagnóstico de carcinoma apesar de muitos nódulos não serem malignos. Sempre que detetar qualquer alteração ao nível mamário esta deverá ser comunicada ao seu médico. Ele é a pessoa indicada para fazer o diagnóstico da situação. Lembre-se que o autoexame da mama deve ser algo rotineiro para si, pois graças a este gesto pode salvar a sua vida.

 

Um exame simples

 

Inicie o autoexame da mama olhando para ambas as mamas em frente do espelho, comparando o seu volume, reparando se existem assimetrias. É também importante reparar se existem quaisquer alterações na forma da mama ou do mamilo. Pressione ligeiramente o mamilo e verifique se há saída de líquido. Repita estas observações colocando as mãos na cintura, fazendo pressão de modo a contrair os músculos do peito.

Aproveitando enquanto toma duche, levante o braço esquerdo e coloque a mão atrás da cabeça. Comece por palpar a mama esquerda com a ponta dos dedos da mão direita (indicador, médio e anelar), partindo dos quadrantes mais externos e evoluindo de forma circular por todo o peito com especial atenção ao quadrante superior externo. Palpe também a axila. Repita com a mão esquerda para a mama direita, elevando o braço direito. Para realizar uma palpação deitada de costas, apoie os ombros numa almofada e repita os movimentos realizados no duche. Apesar de muito importante, o autoexame da mama não deverá substituir a realização de exames periódicos nem a observação pelo médico que deve ser, no mínimo, anual.

 

A mamografia é sempre necessária

 

A mamografia é um exame com grande importância na prevenção do cancro da mama, pois assinala nódulos indetetáveis apenas com a palpação.
As mulheres com idades entre os 40 e os 50 anos deverão realizar uma mamografia de 2 em 2 anos. A partir dos 50 anos poderá manter essa periodicidade ou passar a anual sempre que se justifique por indicação médica.

Descobrir um nódulo não significa, à primeira vista, que se tem um cancro da mama. Na verdade, a maioria desses nódulos são benignos. De facto a existência de um espessamento situado num local da mama pode ser um nódulo. Habitualmente surge num dos lados e a menstruação pode torná-lo mais evidente. Esta situação é muito comum e na maioria das vezes está associada a uma afeção benigna como a doença fibroquística (desenvolvimento do tecido fibroso e formações quísticas no peito, cujas manifestações consistem no aparecimento de nódulos e dores).

 

Tenha atenção a estes sinais de alerta:


    •    Corrimento mamilar.

    •    Pele em forma de casca de laranja em qualquer área da mama.

    •    Zona de depressão da pele da mama ou do mamilo, de instalação recente.

    •    Qualquer massa firme fixa na mama ou axilas.

 

    O diagnóstico de um cancro da mama é devastador mas, ao esconder a doença, ao isolar-se dos que a rodeiam, não está a lutar contra ela mas a estimulá-la. Partilhe as suas dúvidas com os seus familiares mais chegados e, com o apoio dos que lhe são mais queridos, procure ajuda médica.

     

    Conteúdo cedido pela AdvanceCare.

    Alguns dos nossos Hospitais e Clínicas

    Log in | Registo

    Ligue-se através do facebook para aceder ao seu perfil no Plano de Saúde Well’s.

    O nosso website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.