Voltar

Saúde oral, saúde total

Se quer ter uma saúde de ferro, comece por cuidar bem dos seus dentes, gengivas e língua. A higiene oral é essencial em todas as idades, de forma a prevenir cáries e mau hálito, entre outros problemas.

 

 

A saúde oral é um tema que tem vindo a ganhar relevância, inclusive a Organização Mundial da Saúde traçou para 2020 metas para a saúde oral que obrigaram a um reforço das ações de promoção da saúde e prevenção das doenças orais, já que, neste caso, a prevenção é o melhor remédio.

A nossa boca é “habitada” por milhares de bactérias. Alguns destes microrganismos unicelulares têm como função proteger a boca, razão pela qual são chamados bactérias “boas”. Mas outros destes microrganismos unicelulares são denominados bactérias “nocivas”, que causam lesões nos dentes (cáries) mau hálito (halitose), assim como outros problemas e patologias. As cáries são um problema que afeta tanto crianças como adultos, sendo uma das doenças orais mais frequentes.

A cárie destrói o dente e as suas estruturas. O excesso de açúcar na dieta alimentar facilita o crescimento de bactérias da boca, que se fixam aos dentes formando a placa bacteriana. O aparecimento desta placa vai favorecer o aparecimento de cáries, de doenças das gengivas e a destruição dos dentes.

Outro dos problemas orais mais frequentes é o mau hálito (halitose). Em cerca de 90% dos casos, o mau hálito tem origem na boca, principalmente devido a comida que fica presa entre os dentes, à volta das gengivas e na língua, que ao decompor-se pode ser a origem deste problema. Ao produzir menos saliva, a boca é incapaz de “se limpar a si mesma” e, consequentemente, de eliminar as partículas de alimentos. Mas não se esqueça que o mau hálito pode também ser causado por determinados alimentos, como o café, o álcool ou o tabaco. Em certos casos, ainda que em menor número, o mau hálito pode ser um sinal de outras doenças, nomeadamente de estômago, brônquios, rim ou fígado.

Mas não se assuste. A higiene oral previne o desenvolvimento da larga maioria das bactérias nocivas que, quando se juntam num ponto da sua boca, formam a placa bacteriana. Esta é a causa de cáries, gengivites e muitas outras doenças da boca que podem ser facilmente evitadas com uma boa higiene oral.

 

Higiene oral nas crianças

 

1. A limpeza dos dentes deve iniciar-se logo após a erupção do primeiro dente do bebé. Enquanto o bebé tem poucos dentes, pode utilizar-se uma gaze, uma escova de dentes macia e de tamanho adequado ou uma dedeira específica para o efeito.

2. Deve utilizar-se uma pequeníssima quantidade de dentífrico fluoretado (1.000-1.500 ppm de fluoretos), semelhante ao tamanho da unha do dedo mindinho do bebé. Direcionam-se os filamentos da escova para as faces dentárias e executam–se suaves movimentos de rotação, repetindo em todas as faces dentárias.

3. Outro ponto bastante importante deste processo é ensinar a criança a não engolir a pasta.

4. A lavagem dos dentes deve ser realizada, no mínimo, duas vezes ao dia.

5. A partir dos 6 anos, a lavagem dos dentes deve ser completada com a utilização do fio dentário, pois este permite remover restos de comida de zonas a que a escova de dentes não chega. Os pais devem ensinar a criança a utilizar o fio dentário e ajudá-la nesta tarefa. Regra geral, por volta dos 8-10 anos a criança já tem a destreza manual e a autonomia necessárias.

 

Como assegurar a sua saúde oral

 

1. Lave os dentes e a língua pelo menos duas vezes por dia, sendo a mais importante à noite, antes de ir dormir.

2. Escove todas as faces dos dentes e as gengivas.

3. Dedique pelo menos dois minutos à escovagem para poder eliminar eficazmente a placa que se forma continuamente sobre os dentes.

4. Utilize uma escova de dentes com filamentos suaves ou uma escova elétrica que seja de boa qualidade, segura e cómoda de usar.

5. Prefira sempre uma pasta de dentes com flúor. Este torna os dentes mais resistentes e contribui para a prevenção da cárie dentária.

6. Use o fio dentário ou o escovilhão diariamente para eliminar a placa bacteriana das zonas a que a escova de dentes não chega. Se não usar fio dentário, está a deixar de limpar cerca de 40% da superfície dental.

7. Depois de lavar os dentes escove a língua suavemente, de trás para a frente, desde a base até à ponta.

8. Evite bebidas que produzam mau hálito como o café e as bebidas alcoólicas.

9. Prefira alimentos ricos em fibra a alimentos ricos em açúcar.

10. Visite o dentista pelo menos de 6 em 6 meses.

 

Higiene oral nos adultos e seniores

 

Uma boa higiene oral é essencial em todas as fases da vida. Por vezes, as pessoas com mais idade não gostam de utilizar fio dentário mas existem outras opções. É o caso do escovilhão, que também complementa eficazmente a higiene oral. Este instrumento deverá ser utilizado, pelo menos, uma vez por dia.


1. De forma frequente – e com a iluminação adequada – observe os seus lábios, dentes, mucosas e língua. Se notar alguma alteração, deverá marcar uma consulta com o seu dentista.

2. No caso de utilizar prótese dentária é importante que a escove diariamente com uma escova própria, utilizando para o efeito um sabonete neutro, um dentífrico não abrasivo ou outro produto de limpeza de próteses. Esteja atento ao desgaste da prótese e ao seu ajuste na boca. É essencial que a prótese esteja bem adaptada, se não estiver poderá provocar lesões nas mucosas e impedir a mastigação adequada dos alimentos.

3. A realização diária das práticas de higiene oral é indispensável em qualquer idade. Se estiver dependente de outros, peça ajuda para a execução da escovagem dos dentes e da limpeza interdentária.

4. É importante que vá ao dentista pelo menos duas vezes por ano. Na consulta, o profissional poderá detetar várias situações, como a necessidade de realização de uma limpeza feita por um higienista, cáries dentárias que afetam a raiz (que surgem quando há retração das gengivas), sendo mais comuns entre as pessoas com mais idade. Estas são as mais difíceis de tratar, por isso deve-se apostar na prevenção.

Lembre-se: uma boca sã previne doenças.

 

Conteúdo cedido pela AdvanceCare.

Alguns dos nossos Hospitais e Clínicas

Log in | Registo

Ligue-se através do facebook para aceder ao seu perfil no Plano de Saúde Well’s.

O nosso website utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de cookies. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.